INTERCÂMBIO DE CONHECIMENTO E PRÁTICAS DO PROCESSO PRODUTIVO

Estive durante os meses de junho e julho em Trier na Alamenha, realizando um Estágio Prático na Cervejaria Kraft Bräu. Retornei com novos conhecimentos e práticas. Nosso curso agora está totalmente revitalizado...

Abraços, Felipe Viegas

Enriko e Patrick (Kraft Bräu) e Felipe Viegas (Taberna do Vale)

CURSO DE PRODUÇÃO DE CERVEJA EM CASA

CURSO DE PRODUÇÃO DE CERVEJA EM CASA
COMO CHEGAR NA TABERNA DO VALE - Nova Lima - Br-040 - sentido RJ - Av. Canadá, 968 - Bairro Jd. Canadá

Faça-nos uma visita, será um prazer recebê-los na Taberna do Vale. Agende sua visita com Felipe Viegas (31) 9136-8484

segunda-feira, 2 de abril de 2012

CRIADA NA ALEMANHA (BAVÁRIA) A CERVEJA MAIS ALCOÓLICA DO MUNDO...


30/03/2012 14h51 - Atualizado em 30/03/2012 15h26



Alemão cria cerveja com 57% de teor 




alcoólico, 'a mais forte do mundo'


Georg Tscheuschner possui cervejaria na região da Bavária.
Produção é de apenas 43 garrafas; unidade será vendida a 200 euros.

Um cervejeiro alemão criou o que ele afirma ser a "cerveja mais forte do mundo", com teor alcoólico de 57%.
Georg Tscheuschner, dono de uma cervejaria artesanal em Gunzenhausen, no norte da região da Bavária, produziu uma edição especial com apenas 43 garrafas da Schorschbock, e pretende vender cada uma por 200 euros (R$ 486).
Outras especialidades da cervejaria de Tscheuschner são cervejas com teor alcoólico menor, porém ainda assim elevado, de 13%, 16% e 20%, que são vendidas para todo o mundo.
As cervejas mais populares no Brasil têm teor alcoólico entre 4% e 5%.
Georg Tscheuschner posa com um copo da cerveja com 57% de teor alcoólico (Foto: Michaela Rehle/Reuters)Georg Tscheuschner posa com um copo da cerveja com 57% de teor alcoólico (Foto: Michaela Rehle/Reuters)
Apenas 43 garrafas da cerveja foram produzidas e têm preço unitário de 200 euros (Foto: Michaela Rehle/Reuters)Apenas 43 garrafas da cerveja foram produzidas e têm preço unitário de 200 euros (Foto: Michaela Rehle/Reuters)

Nenhum comentário:

Postar um comentário